11 de set de 2009

DEVANEIOS JÁ É CLICHÊ. QUE TÍTULO COLOCO?

Eu sei que eu preciso escrever algo. Eu não estou inspirada nem ao menos com algum tema em mente. Mas talvez eu precisasse fazer uma metalinguagem, quero me tornar consciente do quanto a escrita é importante pra mim.


Com um lápis na mão as palavras fluem, um dicionário alí, um marca texto de cá e com uma coletânea vou desenvolvendo um tema e formando as ideias que dão embasamento para a minha formação social.


No computador digito e com os dois dedos indicadores derramo pensamentos que se espalham como ao molhar um pincel 'sujo' de tinta em um copo d'água. Vejo o que é nada tomar cor e às vezes ao misturar todas essas tonalidades contemplo o negro, o imundo. Aprecio o quanto tirei de mim e ainda assim mantenho preservado.



Quem sou eu? Pra que isso tudo? Onde vou chegar? Quando acaba? Quando eu vou parar de me questionar e tentar solucionar alguma coisa sem entrar em desespero? Creio que não cheguei a ponto algum. Posso tirar uma conclusão perante os parágrafos desconexos? Quantos clichês! Até o clichê já é clichê.


Eu odeio isso que chamam de adolescência. Quando passa?

2 comentários:

  1. eu também odeio essa coisa que chamam de adolescência. Tomara que passe logo. :*

    ResponderExcluir
  2. Oii..tudo bem?
    Seus textos sao otimos ^^
    Se nao se importar vou seguir o seu blog daqui pra frente o/

    Uma ótima semana pra ti ;*

    ResponderExcluir